Corpo humano depende do líquido – Entrevista para o Diário da Manhã

Dr. Alvaro Vitor é entrevistado pelo jornal Diário da Manhã no dia da água (21/03/15) sobre a importância da água no organismo. Confira a entrevista abaixo:

A vida não existe sem água. Todos os organismos vivos têm água que, como constituinte químico das células, participa dos principais processos vitais. “Ela é indispensável para o funcionamento do corpo humano”, esclarece o nutrólogo Dr. Álvaro Vitor Teixeira. Sem água os processos metabólicos entram em colapso e comprometem os órgãos. “Você perde água na urina e suor. Se não repor, o sangue vai ficando espesso e leva a obstrução de pequenas artérias e veias, causando trombose, insuficiência renal e problemas em todos os órgãos”, afirma o médico.

Ele ainda explica que é muito relativo o tempo em que a falta de ingestão de água pode levar morte, pois depende do organismo, sua condição de saúde, idade, e se já tem o costume de ficar períodos longos sem beber o líquido: “Em 24 horas começa a desidratação e em 48 é possível verificar falência renal. Mas há pessoas que ficam uma semana sem água e sobrevive”.

Mas sobreviver com água sem o tratamento adequado também não é o ideal. O líquido não purificado pode conter inúmeros agentes patogênicos que podem levar a morte. Números da Organização das Nações Unidas (ONU) revelam que 2,2 milhões de pessoas morrem a cada ano por beberem água contaminada e que 72% dos leitos hospitalares são ocupados por pacientes vítimas de doenças transmitidas por ela.

O contágio pode ocorrer por ingestão da água contaminada, comendo alimentos lavados com esta ou ainda tomando banho em locais poluídos. Dentre as doenças mais comuns associadas a essa estão a cólera, a febre tifóide, a hepatite A, a leptospirose, a giardíase, a amebíase, gastroenterites, esquistossomose. “Há também a possibilidade de contaminação por metais pesados”, acrescenta o nutrólogo.



Confira matéria completa aqui: Jornal Diário da Manhã